Terça, 25 de Janeiro de 2022 20:57
82 9996921076
Geral Arapiraca

Pablo Fênix sai em defesa do Clube dos Fumicultores

Vereador defensa que o clube seja transformado em patrimônio cultural de Arapiraca

31/12/2021 07h16
Por: Roberto Gonçalves Fonte: Coluna Cidades-Roberto Baia
Pablo Fênix sai em defesa do Clube dos Fumicultores

O vereador Pablo Fênix saiu em defesa do Projeto de Lei (PL 76/2021) do colega Márcio do Canaã, de 2 de dezembro de 2021, que tomba o Clube dos Fumicultores como patrimônio cultural e histórico de Arapiraca. Para ele, o clube representa a história da cidade.

“Nós não vamos acabar com essa tradição. Sabemos da dura realidade pela qual passa o Clube nos últimos anos, mas é possível fazer uma união de forças para manter a história e o legado do nosso clube vivos. Não sou a favor de tirar o Fumicultores do centro da cidade para uma área distante, dificultando o acesso das pessoas. Após o recesso, nós vamos apreciar e aprovar a proposta que o converterá em patrimônio cultural de Arapiraca”, disse o vereador.

Patrimônio cultural

A assinatura do contrato de permuta da sede do Clube dos Fumicultores, aconteceu na quarta-feira, 29. Após os vereadores tomarem conhecimento se reuniram para debater sobre as medidas cabíveis, uma vez que transita na Casa Herbene Melo o Projeto de Lei. “A Câmara irá analisar o PL ao voltar do recesso, em janeiro de 2022”, garante o vereador Pablo Fênix.

Contrapartida

Segundo a diretoria do clube, a instituição acumula cerca de RS 1,2 milhão em dívidas, dez processos de penhora e alto número de inadimplência dos associados. Isso levou ao lançamento do segundo o edital de permuta que teve a sua conclusão na quarta-feira, com a assinatura da permuta com a Construtora Massaranduba.

A permuta entrega a sede do clube para a construtora que em contrapartida pagará as dívidas do clube, fará uma reforma geral no prédio atual, além de construir uma nova sede para o clube, no bairro Massaranduba.

 

Saída encontrada

O presidente do Conselho Deliberativo de Clube dos Fumicultores, Carlos Lúcio, explicou a decisão que tem gerado opiniões divergentes. “Não havia solução fácil para quitar os débitos e evitar que o prédio fosse a leilão e ainda por cima reformar o espaço. Por isso, foi definido esse edital, agora com a assinatura do contrato, para permuta do espaço”, explica.

 Nova sede

De acordo com termo de permuta fechado entre a diretoria executiva do Clube dos Fumicultores e a Construtora Massaranduba, vencedora da concorrência pública promovida pela instituição, a nova sede deve ser construída no bairro da Massaranduba, numa área de aproximadamente 35 mil metros quadrados. A vencedora do certame vai assumir a construção do novo clube, bem como toda a documentação necessária ao processo.

Entre a cessão do terreno, construção do clube, formalização documental e transporte e alocação do patrimônio material, a construtora estará investindo um valor total de R$ 8.120.946,06. A empresa também será a responsável pela dívida ativa do clube.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Anúncio
-
Atualizado às 21h00 - Fonte: Climatempo
°

Mín. ° Máx. °

° Sensação
km/h Vento
% Umidade do ar
% (mm) Chance de chuva
Amanhã (26/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. ° Máx. °

Quinta (27/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. ° Máx. °

Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias