Terça, 13 de Abril de 2021
82 996142974
Cultura Luto

Morre o escritor Antônio Amaury, um dos maiores pesquisadores do cangaço

A história do Cangaço e do Nordeste brasileiro deve muito à esse ilustre Pesquisador, escritor devido ao trabalho prestado ao longo dos anos contribuindo para o resgate e preservação da memória e da história de um povo.

28/02/2021 00h35
59
Por: Roberto Gonçalves Fonte: Roberto Gonçalves
Morre o escritor Antônio Amaury, um dos maiores pesquisadores do cangaço

Morreu na noite desta sexta-feira (26) em São Paulo, o escritor Antônio Amaury Correia de Araújo, aos 88 anos.  Um dos maiores pesquisadores da vida de Lampião e da história do cangaço, Há mais de 60 anos em busca de informações sobre o assunto realizou muitas entrevistas (com pessoas da sociedade, do cangaço e das forças policiais da época e familiares remanescentes.

Nas suas pesquisas conheceu 40 cangaceiros e hospedou muitos deles em sua residência em São Paulo inclusive Dadá que passou mais de seis meses em sua residência na capital paulista.

A história do Cangaço e do Nordeste brasileiro deve muito à esse ilustre Pesquisador, escritor devido ao trabalho prestado ao longo dos anos contribuindo para o resgate e preservação da memória e da história de um povo.

Há vários anos em companhia do jornalista Roberto Vilanova e do deputado estadual Inácio de Loyola, tive o privilégio de conhecer o ilustre escritor quando realizamos uma visita a Grota de Angicos município de Poço Redondo em Sergipe. Antônio Amaury deixa um grande legado para a cultura brasileira e nordestina.   

 

Ele1 - Criar site de notícias