egundo informações, o partido montará uma chapa bastante forte visando ocupar espaços consistentes na Câmara de Vereadores de Palmeira dos Índios. “Serão lançados nove candidatos a vereador- Toninho Garrote, Pedro do Bode, Geraldo Alencar, Darciel Amorim, Edinho Queiroz, Reginaldo, Erika de Orubá, Edvania Florentino e Adjelma, sendo que expectativa que sejam eleitos pelo menos três deles”, afirmou a deputada estadual Ângela Garrote que é uma das principais lideranças do partido no estado.

Ainda segundo Garrote, a aliança com o atual prefeito de Palmeira dos Índios Júlio César foi desfeita, por conta das denúncias de assédio sexual e moral que o mesmo enfrenta atualmente.

As recentes denúncias que supostamente teriam sido praticadas pelo gestor contra mulheres que trabalhavam no município motivaram o fim da aliança.

Garrote é Procuradora da Mulher em Alagoas e deverá acionar as autoridades competentes e pedir a apuração das denúncias de violência contra as mulheres às autoridades, no Plenário da Assembleia Legislativa Estadual (ALE).

Por fim, os correligionários da deputada, solicitaram que ela se candidatasse à prefeitura de Palmeira dos Índios, mas Ângela prometeu analisar a ideia com carinho e tomar uma decisão posteriormente, até a data das convenções.